PT EN ES

Vender pela internet: e-commerce na prática

Preços mais competitivos e praticidade para o seu cliente

Sumário

Essa uma ótima opção para você que busca aumentar suas vendas, é um novo canal de comunicação para o seu cliente acessar o seu produto ou serviço

Se você quer ficar mais acessível para seus clientes, vender pela internet é muito mais do que uma escolha. É uma obrigação! Trabalhar com e-commerce ou comércio eletrônico é proporcionar mais uma chance de venda. Isso acontece porque você cria um novo canal de comunicação entre sua empresa e seu consumidor.

Ter um e-commerce de sucesso exige muito mais do que um site bem desenhado, com funcionalidades na transação de compra e venda. Isso é apenas o começo, é o dever do profissional responsável por desenvolver a plataforma. Apesar de serem ações muito importantes, só isso não basta, o grande segredo está em toda a operação do negócio. 

Como já comentado, o e-commerce é um canal, é uma nova forma do cliente adquirir um produto ou serviço. Para isso, todos os processos que você tem na loja física devem estar presentes na loja virtual, como controle de estoque, por exemplo.

Está pensando em vender pela internet? Aqui você vai encontrar algumas dicas úteis para auxiliar no seu processo de desenvolvimento de e-commerce.

Para guiar a sua jornada, confira as informações que você encontrará ao longo do texto.

As principais dicas para vender pela internet

  • Saiba quem são os seus consumidores: mais vantajoso do que ter uma loja virtual com variedade de produtos, é escolher um nicho. Ou seja, torne-se referência no assunto, principalmente no início. 
  • Tempo e planejamento financeiro são indispensáveis: a gestão financeira de uma loja online é tão importante quanto a da loja física. Defina o seu orçamento, metas, custos e tudo o que envolve uma boa administração. Conte com ferramentas que vão otimizar o seu trabalho. 
  • Cadastro de produtos: o consumidor que compra online precisa ter o maior número de dados possíveis para ajudar a tomar uma decisão. Isso envolve imagens de diferentes ângulos, descrição minuciosa, medidas e todos os detalhes do produto. 
  • Marketing de conteúdo: entenda quais são as principais dúvidas do seu cliente e crie conteúdos com informações relevantes para ele realizar uma escolha, seja proativo. Você também pode compartilhar esses conteúdos em suas redes sociais e investir em Google Ads. Dessa forma, o seu produto vai aparecer mais facilmente para o seu público-alvo, e isso aumenta suas chances de vendas.

Como criar um e-commerce para aumentar suas vendas online

Um e-commerce possibilita que a sua empresa alcance mais oportunidades e novos nichos de atuação. Segundo o relatório Webshoppers sobre comércio eletrônico, organizado pela Ebit | Nielsen e aplicado em parceria com o Bexs Banco, o Brasil aumentou suas vendas online em 2021. O que representa um crescimento de 31%, se comparado ao ano anterior, atingindo R$ 53,4 bilhões.

Faça o planejamento do seu negócio, considerando todas as despesas. Além disso, esteja atento ao investimento disponível. Escolha uma plataforma de e-commerce que compreenda todas as funcionalidades que você precisa.

Antes de tudo, leve em consideração que essa plataforma deve possuir integração com sistemas ERP (para auxiliar no seu gerenciamento). Além disso, invista em ferramentas de SEO, o layout deve ser responsivo, trabalho com sistemas de chat, compatibilidade com serviços de logística e frete, checkout transparente, entre outros.

Outra dica é escolher um bom sistema de pagamento para trabalhar em sua loja virtual. Utilize métodos seguros para ambas as partes, o comprador e o vendedor. O ideal é disponibilizar para o seu cliente todas as formas de pagamento: cartão de crédito, boleto, transferência, pix, entre outros.

O cadastramento de produtos também precisa de sua atenção. Quando uma pessoa chega ao seu produto, ela quer saber tudo sobre ele. Aproveite para oferecer todas as descrições possíveis sobre o que você vende. Para exemplificar, inclua imagens e vídeos, também é importante criar categorias.

Além disso, pense no envio de seus pedidos online. Quando você realiza uma compra pela internet, quer que ela chega o mais rápido possível, certo? Lembre-se disso no momento de elaborar o seu e-commerce.

Mantenha o contato com o cliente, principalmente quando ele precisar do seu suporte. Isso vai ajudar no seu relacionamento e melhorar a experiência com a sua loja. Observação que também vale para as redes sociais.

Como utilizar o Google Ads no seu e-commerce

Investir em estratégias de marketing digital vão ajudar a fortalecer o seu e-commerce. Auxilia na fidelização e retenção de clientes e aumenta o tráfego no seu site.

Por meio de anúncios no Google, é possível gerar conversão para o e-commerce, o que é igualmente viável utilizando as redes sociais. Pois é aonde você também pode desenvolver materiais para despertar o interesse do consumidor e instigar ele a visualizar o conteúdo no site. 

Portanto, trabalhe com campanhas de adwords, e-mails marketing e banners para a sua loja online. Criar um blog para compartilhar informações relevantes, notícias e curiosidades sobre a sua atuação também é uma boa estratégia para o seu e-commerce.

Além disso, essa ação que também ajuda no seu posicionamento na internet, os mecanismos de busca do Google entendem que você é um especialista no assunto e gera conteúdo para as pessoas, o que é bom.

Com campanhas de marketing digital você consegue vender pela internet. Isso é praticável porque é possível identificar e direcionar as pessoas certas e que realmente tenham interesse no seu produto ou serviço para o seu site.

Dessa forma, é viável impulsionar o suas vendas e tornar seu comércio online referência entre o seu público-alvo. É assim que você conseguirá ser ser destaque diante de uma multidão.

Ações como essas exigem tempo (pois algumas trazem resultados a longo prazo) e experiência, por isso, é importante contar com quem domina as ferramentas, estratégias e melhores métodos.

E-commerce: vantagens de trabalhar com vendas online

O motivo de maior destaque para vender pela internet é a possibilidade de trabalhar com preços mais competitivos. Além disso, oferece mais praticidade para o seu cliente, pois sua loja fica online 24hrs por dia.

Também podemos citar maior alcance de pessoas e a economia com a manutenção e aluguel de uma loja física. Do mesmo modo, fica mais fácil entender o comportamento dos seus consumidores e proporcionar melhores experiências com a sua marca.

Nesse sentido, o seu cliente pode visitar a sua loja quando quiser e de onde ele estiver, prática cada vez mais comum em um mundo com tantas formas de conexão como o que vivemos hoje. Você também vai economizar com as comissões de vendedores, e é uma ótima oportunidade de explorar novas ideias de marcado, entre outros.

Como resultado do investimento, você conquista mais profissionalismo e segurança. Isso porque as pessoas reconhecem um site de vendas como um ambiente de confiança, como uma empresa, diferente de quando compram de redes sociais.

Outra possibilidade é que em uma loja virtual você pode acompanhar cada passo do seu negócio,além de verificar o seu desempenho sem perder nenhum dado. Dessa forma, é possível saber o interesse que os clientes se mostram pelos seus produtos e aplicar novas estratégias, sempre buscando melhorar os resultados do seu e-commerce.

Além dos pontos positivos já destacados, quando você trabalha com comércio eletrônico é possível investir em estratégias de marketing. Como por exemplo, criar um blog e aplicar as técnicas de SEO para melhorar sua presença no Google de maneira orgânica.

Melhore a experiência do cliente em sua loja virtual

Por fim, sabemos que evitar erros simples, que causam grande incômodo para seus clientes, gera um impacto direto na conversão de vendas. Um dos principais motivos que impedem sua lucratividade é a falta de confiança das pessoas na sua empresa.

Mas existe uma forma de conquistar essa credibilidade. Disponibilize seu WhatsApp no site, deixe que as pessoas conversem com você. Tenha uma página bem desenvolvida, apresente sua história, fotos (produtos, equipe, portfolio), vídeos, depoimentos reais e informações. São alguns detalhes que servem de prova para a sua existência.

Outra dica é atuar com o “Reclame Aqui”, não apenas registrado, mas estar dedicado a responder e solucionar possíveis problemas que podem aparecer na plataforma.

Mais uma forma de mostrar que você merece a confiança do seu cliente é estar cadastrado no Google Meu Negócio. Essa técnica vai ajudar você a conseguir avaliações, que funcionam como uma prova social.

Fique atento ao tipo e quanto tempo leva para entregar o produto. Procure criar caminhos para que seja possível oferecer benefícios, como por exemplo, determinar um valor mínimo para ganhar frete grátis nas principais regiões em que você atua. Outra opção é oferecer opções de entrega para o seu cliente.

Podem parecer muitos detalhes para ficar atento, mas todos valem o seu esforço. Muitas vezes os clientes deixam de efetuar uma compra por falta de seguraça, pois não existe comprovações que o seu negócio realmente é confiável.

Destinar parte de seu tempo e investimento em um e-commerce para vender pela internet vai render bons resultados. E ainda mudar para melhor a aparência do seu negócio, promover a sua marca e garantir crescimento contínuo, uma vez que você atinge novos públicos.

Ainda não possui um e-commerce? Compartilhe nos comentários quais são suas principais dúvidas a respeito.

Compartilhar:
Share on facebook
Share on linkedin
Share on whatsapp

Envie-nos uma mensagem

Mais Posts:
Isso é tudo! Adicionamos notícias todas as semanas, esperamos você novamente na semana que vem! :)